Broken Sword – The Sleeping Dragon

An ancient conspiracy.

A broken code.

An unsolved murder.

The ultimate adventure.”

Este é o texto do teaser em Flash de BROKEN SWORD – THE SLEEPING DRAGON, a terceira e última parte da trilogia do meu game mais querido. A série Broken Sword começou em 1996, com Broken Sword – The Shadow of the Templars (um dos primeiros games que joguei no PC) e continuou em 1998 com Broken Sword – The Smoking Mirror. Todo mundo já achava que a Revolution Software tinha desistido de produzir a última parte da trilogia, mas finalmente ela aparece. Foi lançada no dia 14 deste mês e, pela primeira vez, a interface será em 3D, ao invés do 2D tradicional dos adventures gráficos. Após aventuras e problemas envolvendo Templários, astecas, conspirações e viagens por Paris, América do Sul, Espanha, Istambul e Escócia, meus queridos George Stobbard e Nicole Collard estão de volta após cinco anos de ausência do meu computador!! Eu vou chorar de emoção!!

Desta vez eles precisam impedir o Sleeping Dragon de acordar. Mas será que o tal dragão adormecido é apenas o nome de uma antiga e reacionária conspiração ou realmente existe um dragão dormindo nas Linhas Ley????

Eu PRECISO jogar isso logo e reencontrar dois dos meus personagens mais caros. A Revolution Software é MUITO foda e, além da série Broken Sword, também lançou o sensacional Beneath a Steel Sky, totalmente desenhado por Dave Gibbons (Watchmen). Eles lançam poucos jogos, mas todos são espantosamente bons (e com excelentes histórias).
Bom, saiu dia 14. Nada até agora aqui no Brasil. Será que os imbecis não vão lançar isso por aqui e terei que comprar pirata como fiz com toda a série GTA? The Sleeping Dragon promete finalmente trazer do limbo o gênero adventure, graças à sua nova interface e ao roteiro. Cadê??

An ancient conspiracy.

A broken code.

An unsolved murder.

The ultimate adventure.”

Este é o texto do teaser em Flash de BROKEN SWORD – THE SLEEPING DRAGON, a terceira e última parte da trilogia do meu game mais querido. A série Broken Sword começou em 1996, com Broken Sword – The Shadow of the Templars (um dos primeiros games que joguei no PC) e continuou em 1998 com Broken Sword – The Smoking Mirror. Todo mundo já achava que a Revolution Software tinha desistido de produzir a última parte da trilogia, mas finalmente ela aparece. Foi lançada no dia 14 deste mês e, pela primeira vez, a interface será em 3D, ao invés do 2D tradicional dos adventures gráficos. Após aventuras e problemas envolvendo Templários, astecas, conspirações e viagens por Paris, América do Sul, Espanha, Istambul e Escócia, meus queridos George Stobbard e Nicole Collard estão de volta após cinco anos de ausência do meu computador!! Eu vou chorar de emoção!!

Desta vez eles precisam impedir o Sleeping Dragon de acordar. Mas será que o tal dragão adormecido é apenas o nome de uma antiga e reacionária conspiração ou realmente existe um dragão dormindo nas Linhas Ley????

Eu PRECISO jogar isso logo e reencontrar dois dos meus personagens mais caros. A Revolution Software é MUITO foda e, além da série Broken Sword, também lançou o sensacional Beneath a Steel Sky, totalmente desenhado por Dave Gibbons (Watchmen). Eles lançam poucos jogos, mas todos são espantosamente bons (e com excelentes histórias).
Bom, saiu dia 14. Nada até agora aqui no Brasil. Será que os imbecis não vão lançar isso por aqui e terei que comprar pirata como fiz com toda a série GTA? The Sleeping Dragon promete finalmente trazer do limbo o gênero adventure, graças à sua nova interface e ao roteiro. Cadê??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *