Processo Judicial

Seis membros do Congresso americano, integrantes das Forças Armadas e parentes de recrutas entraram com um processo judicial em instância federal, na quinta-feira, para tentar impedir o presidente George W. Bush de lançar uma invasão ao Iraque sem uma declaração de guerra explícita do Congresso. O republicano John Conyers, de Michigan, disse que a resolução do Congresso de outubro de 2002 que permite uma ação militar contra o Iraque não declara especificamente uma guerra e, inconstitucionalmente, transfere essa decisão para o Presidente. Conyers citou uma passagem da Constituição norte-americana, que diz “Ao Congresso cabe o direito (***) de declarar guerra”.
“Entendeu? Só ao Congresso”, disse Conyers durante uma conferência em Washington.

Seis membros do Congresso americano, integrantes das Forças Armadas e parentes de recrutas entraram com um processo judicial em instância federal, na quinta-feira, para tentar impedir o presidente George W. Bush de lançar uma invasão ao Iraque sem uma declaração de guerra explícita do Congresso. O republicano John Conyers, de Michigan, disse que a resolução do Congresso de outubro de 2002 que permite uma ação militar contra o Iraque não declara especificamente uma guerra e, inconstitucionalmente, transfere essa decisão para o Presidente. Conyers citou uma passagem da Constituição norte-americana, que diz “Ao Congresso cabe o direito (***) de declarar guerra”.
“Entendeu? Só ao Congresso”, disse Conyers durante uma conferência em Washington.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *