Vacina Falha

O primeiro teste de uma vacina contra AIDS em humanos falhou em prevenir a infecção por HIV nos voluntários brancos e hispânicos, mas pode ter protegido os negros e asiáticos, disse ontem os produtores da vacina, os laboratórios VaxGen. Os esperadíssimos resultados dos testes da AIDSVAX foram apresentados nesta segunda-feira. A vacina reduziu em apenas 3,8% os níveis de infecção dos 5 mil voluntários norte-americanos e holandeses que participaram dos testes. “Genericamente falando, parece que os testes falharam”, disse o presidente da VaxGen, Dr. Donald Francis. “Temos boas e más notícias. As más são que, em geral, não temos eficácia, especialmente entre as populações branca e hispânica. Mas em 500 pessoas os testes demonstraram clara eficácia. O desafio aqui é saber se isso não é apenas um desvio estatístico”.
Outro desafio para a VaxGen é realizar testes adicionais: a companhia já gastou, até dezembro de 2002, mais de 18 milhões de dólares com os testes. Como havia apenas 498 negros e asiáticos entre os voluntários, é difícil interpretar os números finais.
O vírus da AIDS já matou mais de 28 milhões de pessoas em todo o mundo.

O primeiro teste de uma vacina contra AIDS em humanos falhou em prevenir a infecção por HIV nos voluntários brancos e hispânicos, mas pode ter protegido os negros e asiáticos, disse ontem os produtores da vacina, os laboratórios VaxGen. Os esperadíssimos resultados dos testes da AIDSVAX foram apresentados nesta segunda-feira. A vacina reduziu em apenas 3,8% os níveis de infecção dos 5 mil voluntários norte-americanos e holandeses que participaram dos testes. “Genericamente falando, parece que os testes falharam”, disse o presidente da VaxGen, Dr. Donald Francis. “Temos boas e más notícias. As más são que, em geral, não temos eficácia, especialmente entre as populações branca e hispânica. Mas em 500 pessoas os testes demonstraram clara eficácia. O desafio aqui é saber se isso não é apenas um desvio estatístico”.
Outro desafio para a VaxGen é realizar testes adicionais: a companhia já gastou, até dezembro de 2002, mais de 18 milhões de dólares com os testes. Como havia apenas 498 negros e asiáticos entre os voluntários, é difícil interpretar os números finais.
O vírus da AIDS já matou mais de 28 milhões de pessoas em todo o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *