Essa é dos diabos: Carolyn Risher, prefeita da pequena vila pesqueira de Inglis, na Florida, declarou Satã, oficialmente, uma “persona non grata” na cidade. A figura apareceu na CNN afirmando que os eventos de 11 de setembro a motivaram a tomar essa atitude. “O demônio não entra aqui”, disse Risher. Please to meet you / Hope you guess my name. 

De que lado você está?
Aprenda a ficar invisível.