September 06, 2017 at 02:58AM

Vejo editoras minúsculas se matando para colocar nas bancas tiragens reduzidas de mangás e fumetti, lutando para abrir na base da faca algum espaço na máfia dos distribuidores, bancas, gráficas e livrarias. Mas o que é o papel? Apenas um suporte caro, trabalhoso, custoso, pesado, potencialmente bolorento e pouco ecológico no qual algumas páginas são “projetadas” (impressas). Um tablet ou ereader são um suporte bem melhor, com várias vantagens e nenhuma dessas desvantagens. Lancem essas porras em digital e parem com essa mania de Sísifo de ficar rolando pedregulho analógico ladeira acima do século XXI e sofrendo.
PS.: Para quem vier – como sempre acontece quando o tema é esse – falar sobre como “ah, mas o cheiro do papel”, deixo aqui a máxima do mestre da black music George Clinton:
– Hey man, smell my finger.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *