The Clash 6

Está no ar o sexto capítulo da minha série de espionagem The Clash, após um longo hiato. Clash volta a ser mensal de verdade e essa sexta parte conta com a participação especial do Alien (e, pra piorar, sem a Sigourney Weaver por perto). Quem quiser ler pode clicar aqui para ir direto ao Clash 6.

Está no ar o sexto capítulo da minha série de espionagem The Clash, após um longo hiato. Clash volta a ser mensal de verdade e essa sexta parte conta com a participação especial do Alien (e, pra piorar, sem a Sigourney Weaver por perto). Quem quiser ler pode clicar aqui para ir direto ao Clash 6.

Hyperpulp: Games

Finalmente coloquei no ar o primeiro texto de não-ficção do Hyperpulp. Quem quiser ler agora, é só clicar aqui ou no link para o Hyperpulp aí no menu à esquerda. Dessa vez eu tento definir os diversos gêneros dos computer games.

Finalmente coloquei no ar o primeiro texto de não-ficção do Hyperpulp. Quem quiser ler agora, é só clicar aqui ou no link para o Hyperpulp aí no menu à esquerda. Dessa vez eu tento definir os diversos gêneros dos computer games.

Meu Conto no Argos 2003!

O mais surpreendente aconteceu! Meu conto de ficção científica O Rabo da Serpente foi indicado ao Prêmio Argos como melhor obra de ficção de 2002!!!! Isso me pegou totalmente de surpresa. O Argos é concedido anualmente pelo CLFC, que é o Clube de Leitores de Ficção Científica. Esse ano, a disputa será pesada, porque pela primeira vez a votação será aberta a qualquer pessoa, não somente aos membros e sócios do CLFC; e, também pela primeira vez, houve indicações de trabalhos de Portugal, de sci-fi além-tejana. Sem falar que os outros indicados são figuras de nome na FC nacional, já experientes, e eu sou apenas um mané. Por isso, preciso da ajuda de vocês!!!

Quem se animar a ler o conto, pode encontrar O Rabo da Serpente no site da Intempol, aqui neste link.
A fase de votações ainda não teve início, mas o site do CLFC contém a lista de indicados. A votação poderá ser feita por e-mail, telefone ou carta (correio normal); assim que eu souber de mais detalhes, posto aqui.

O mais surpreendente aconteceu! Meu conto de ficção científica O Rabo da Serpente foi indicado ao Prêmio Argos como melhor obra de ficção de 2002!!!! Isso me pegou totalmente de surpresa. O Argos é concedido anualmente pelo CLFC, que é o Clube de Leitores de Ficção Científica. Esse ano, a disputa será pesada, porque pela primeira vez a votação será aberta a qualquer pessoa, não somente aos membros e sócios do CLFC; e, também pela primeira vez, houve indicações de trabalhos de Portugal, de sci-fi além-tejana. Sem falar que os outros indicados são figuras de nome na FC nacional, já experientes, e eu sou apenas um mané. Por isso, preciso da ajuda de vocês!!!

Quem se animar a ler o conto, pode encontrar O Rabo da Serpente no site da Intempol, aqui neste link.
A fase de votações ainda não teve início, mas o site do CLFC contém a lista de indicados. A votação poderá ser feita por e-mail, telefone ou carta (correio normal); assim que eu souber de mais detalhes, posto aqui.

The Clash – Espionagem

Minha série de espionagem e super-heróis The Clash, que sai no fanfic Hyperfan, voltou a ser publicada mensalmente. A edição mais recente já está no ar e tem lugar no passado de um dos personagens (Jimmy Woo, ex-agente do FBI). Clique aqui para ir para a nova história e depois clique aqui para ler as edições anteriores do The Clash.

Minha série de espionagem e super-heróis The Clash, que sai no fanfic Hyperfan, voltou a ser publicada mensalmente. A edição mais recente já está no ar e tem lugar no passado de um dos personagens (Jimmy Woo, ex-agente do FBI). Clique aqui para ir para a nova história e depois clique aqui para ler as edições anteriores do The Clash.

Monday, April 21, 2003 at 12:43 PM

Problemas no meu computador fizeram com que o blog ficasse meio parado esses dias. Com tudo mais ou menos resolvido, as coisas já podem voltar ao ritmo normal por aqui.
Ah, eu odeio a Microsoft. Muito.

Problemas no meu computador fizeram com que o blog ficasse meio parado esses dias. Com tudo mais ou menos resolvido, as coisas já podem voltar ao ritmo normal por aqui.
Ah, eu odeio a Microsoft. Muito.

Chip Totec

Meu projeto de música eletrônica, o Chip Totec, já tem uma música disponível para download no site Vitaminic (um selo on-line nos moldes do MP3.com, só que mais interessante). O nome da música é Chakra. Você tem a opção de baixar o MP3 ou ouvir em streaming, no formato Real Audio. As outras músicas estarão no site em poucos dias. Vou esperar todas estarem on-line para montar a home-page no Vitaminic, com os detalhes sobre o equipamento que eu uso, fotos, logotipo, anos das músicas, essas tralhas. Enquanto isso, é só ir no site e, no campo “search”, logo na página inicial, buscar por “Chip Totec”. É só clicar aqui para ir para o site do Vitaminic.

Meu projeto de música eletrônica, o Chip Totec, já tem uma música disponível para download no site Vitaminic (um selo on-line nos moldes do MP3.com, só que mais interessante). O nome da música é Chakra. Você tem a opção de baixar o MP3 ou ouvir em streaming, no formato Real Audio. As outras músicas estarão no site em poucos dias. Vou esperar todas estarem on-line para montar a home-page no Vitaminic, com os detalhes sobre o equipamento que eu uso, fotos, logotipo, anos das músicas, essas tralhas. Enquanto isso, é só ir no site e, no campo “search”, logo na página inicial, buscar por “Chip Totec”. É só clicar aqui para ir para o site do Vitaminic.

Procurando por algum outro serviço para hospedar meu blog, acabei me deparando com alguns blogs incrivelmente cretinos. Daqui a uns quinze anos, essa proliferação de blogs, reality shows e webcam-sites certamente será prato cheio para antropólogos e sociólogos. Já o é hoje em dia, mas é impossível analisar algo propriamente quando se está dentro do olho do furacão.

Em tempo: a ordem das notas será cronológica (e não em cronologia reversa). Portanto, a leitura é de cima para baixo mesmo. Role a página até o final pra ver se tem coisa nova. Acho que faz mais sentido assim.

Bom, relutei muito em criar um blog. A esmagadora maioria dos blogs que eu conheço são caixas mal-ajambradas de nonsense e viagens egomaníacas cheias de lavação de roupa pública (ou púbica). Mas um blog talvez possa ser divertido, vejamos. Bom, resumindo, aqui você encontrará minhas opiniões, ações e reações às coisas que eu vejo, sinto, provo, cheiro, bebo, escuto e falo. Vou tentar manter uma atualização decente e postar textos, resenhas, opiniões, achismos, contículos e outros elementos bizarros. Bem-vindos ao mundo estranho da Harper’s Bizarre. 

Oi. Bem-vindos ao meu blog.