Ecstasy e Estupro

Cientistas estão usando o ecstasy para tratar traumas de vítimas de estupro.

Cientistas estão usando o ecstasy para tratar traumas de vítimas de estupro.

Berlusconi

A Itália de Berlusconi continua sua caminhada rumo ao neo-pós-pseudo-fascismo. Os quatro principais partidos políticos da bota aprovaram uma proposta que introduz medidas ultra-duras contra usuários ocasionais de drogas, no que já está sendo considerado “a mais severa lei anti-drogas da Europa” (Financial Times). .

Pela nova lei, a mera posse de dois cigarros de maconha (ou 250mg) ou de 3 pílulas de ecstasy (300mg) pode ser punida com seis anos de prisão. Pessoas pegas com quantidades menores do que estas terão seus passaportes e carteiras de motorista cancelados. Estrangeiros pegos com quantidades menores serão deportados (mesmo que sejam cidadãos da União Européia).

Notoriamente a favor da liberdade de escolha, este blog acha tudo isto um absurdo.

A Itália de Berlusconi continua sua caminhada rumo ao neo-pós-pseudo-fascismo. Os quatro principais partidos políticos da bota aprovaram uma proposta que introduz medidas ultra-duras contra usuários ocasionais de drogas, no que já está sendo considerado “a mais severa lei anti-drogas da Europa” (Financial Times). .

Pela nova lei, a mera posse de dois cigarros de maconha (ou 250mg) ou de 3 pílulas de ecstasy (300mg) pode ser punida com seis anos de prisão. Pessoas pegas com quantidades menores do que estas terão seus passaportes e carteiras de motorista cancelados. Estrangeiros pegos com quantidades menores serão deportados (mesmo que sejam cidadãos da União Européia).

Notoriamente a favor da liberdade de escolha, este blog acha tudo isto um absurdo.

Doces

Pessoas com pais alcoólatras tendem a gostar mais de doces. Com isso, quem gosta de doces pode ter tendência para o alcoolismo. Sim, é uma lógica aristotélica meio montypythoniana, mas pode ser verdade.

Pessoas com pais alcoólatras tendem a gostar mais de doces. Com isso, quem gosta de doces pode ter tendência para o alcoolismo. Sim, é uma lógica aristotélica meio montypythoniana, mas pode ser verdade.

Pílula do Orgasmo

Um grupo de respeitados químicos ingleses está tentando criar uma pílula que proporcione orgasmos instantâneos sem estimulação sexual, baseados em pesquisas realizadas por holandeses que descobriram evidências de que o orgasmo é estranhamente parecido com um “jorro” de heroína.
A pílula deve ficar pronta somente dentro de dez anos.

Um grupo de respeitados químicos ingleses está tentando criar uma pílula que proporcione orgasmos instantâneos sem estimulação sexual, baseados em pesquisas realizadas por holandeses que descobriram evidências de que o orgasmo é estranhamente parecido com um “jorro” de heroína.
A pílula deve ficar pronta somente dentro de dez anos.

Pesquisa Forjada

E parece que a tal pesquisa com macacos que “comprovava” que ecstasy matava foi mesmo forjada. Não se sabe se foi involuntariamente e de má fé, mas o fato é que o cientista americano mané utilizou nas experiências e testes não ecstasy, mas metanfetamina.
A troca aconteceu porque ele comprou os Es de um traficante que, como de praxe, vendeu gato por lebre.
Com isso, não se conseguiu provar ainda que o ecstasy provoque qualquer espécie de dano.

O que ninguém, entre detratores e defensores do ecstasy, falou até agora é: que tal essa de matar macacos com metanfetamina em um laboratório do governo?

E parece que a tal pesquisa com macacos que “comprovava” que ecstasy matava foi mesmo forjada. Não se sabe se foi involuntariamente e de má fé, mas o fato é que o cientista americano mané utilizou nas experiências e testes não ecstasy, mas metanfetamina.
A troca aconteceu porque ele comprou os Es de um traficante que, como de praxe, vendeu gato por lebre.
Com isso, não se conseguiu provar ainda que o ecstasy provoque qualquer espécie de dano.

O que ninguém, entre detratores e defensores do ecstasy, falou até agora é: que tal essa de matar macacos com metanfetamina em um laboratório do governo?

Credibilidade

“Pelo bem de nossa própria credibilidade, não podemos permitir que o álcool e o tabaco, que matam 10 mil pessoas por ano na Suíca, sejam vendidos com direito a todo tipo de mecanismos arcanos de marketing, enquanto o consumo da cannabis, um produto menos perigoso, seja um crime.”

O Instituto Suíço de Prevenção ao Alcoolismo e ao Abuso de Drogas explica porque as autoridades suíças estão prestes a legalizar a maconha.

A Holanda, por sua vez, onde a maconha já é legalizada há anos, pensa seriamente em legalizar o ecstasy.

Não fumo maconha (me faz mal), mas sou completamente a favor da sua legalização.

“Pelo bem de nossa própria credibilidade, não podemos permitir que o álcool e o tabaco, que matam 10 mil pessoas por ano na Suíca, sejam vendidos com direito a todo tipo de mecanismos arcanos de marketing, enquanto o consumo da cannabis, um produto menos perigoso, seja um crime.”

O Instituto Suíço de Prevenção ao Alcoolismo e ao Abuso de Drogas explica porque as autoridades suíças estão prestes a legalizar a maconha.

A Holanda, por sua vez, onde a maconha já é legalizada há anos, pensa seriamente em legalizar o ecstasy.

Não fumo maconha (me faz mal), mas sou completamente a favor da sua legalização.

Cientista Humilhado

O “cientista” George Ricuarte, cujos estudos foram pivotais para a estigmatização do ecstasy, foi completamente humilhado e desacreditado. Ricuarte, que “provou” que o E provoca danos cerebrais, na verdade conduziu suas pesquisas com outras drogas bem distintas, forjando os resultados.
O dr. Charles Grob, especialista em ecstasy e defensor do uso da droga, afirmou que os estudos de Ricuarte serviram somente para fortalecer a política draconiana da caça-às-brucas psicodélica e a legislação mais famigerada, como o fascista Rave Act norte-americano.
Saibam mais sobre as falsas conclusões de Ricuarte aqui.

O “cientista” George Ricuarte, cujos estudos foram pivotais para a estigmatização do ecstasy, foi completamente humilhado e desacreditado. Ricuarte, que “provou” que o E provoca danos cerebrais, na verdade conduziu suas pesquisas com outras drogas bem distintas, forjando os resultados.
O dr. Charles Grob, especialista em ecstasy e defensor do uso da droga, afirmou que os estudos de Ricuarte serviram somente para fortalecer a política draconiana da caça-às-brucas psicodélica e a legislação mais famigerada, como o fascista Rave Act norte-americano.
Saibam mais sobre as falsas conclusões de Ricuarte aqui.

Cannabis

Jesus Cristo pode ter usado cannabis para realizar alguns de seus milagres, de acordo com novas pesquisas sobre o Novo Testamento. De acordo com um artigo publicado na High Times (claro; edição de janeiro), o filho de Deus aparentemente usou maconha em si mesmo e também misturou-a aos ingredientes de poções que indicava aos seus discípulos e aos doentes que encontrava.
“Se a cannabis era um dos ingredientes dos antigos remédios e poções, então atacar aqueles que usam cannabis pode ser considerada uma atitude anti-cristã”, disse o pesquisador da Bíblia Chris Bennett.

Jesus Cristo pode ter usado cannabis para realizar alguns de seus milagres, de acordo com novas pesquisas sobre o Novo Testamento. De acordo com um artigo publicado na High Times (claro; edição de janeiro), o filho de Deus aparentemente usou maconha em si mesmo e também misturou-a aos ingredientes de poções que indicava aos seus discípulos e aos doentes que encontrava.
“Se a cannabis era um dos ingredientes dos antigos remédios e poções, então atacar aqueles que usam cannabis pode ser considerada uma atitude anti-cristã”, disse o pesquisador da Bíblia Chris Bennett.

Hamburger Hill

Pesquisa recente indica que o hambúrguer talvez seja tão viciante quanto a cocaína e a heroína. Como a pesquisa foi conduzida por americanos, o jornal inglês Sunday Times aproveitou os resultados para sacanear os EUA em um editorial:

“Parece que agora os gordinhos têm uma desculpa. Quem visita os EUA, esperando encontrar os refinados corpos popularizados por Hollywood, mais provavelmente encontrará um monstruoso exército de gordos. Finalmente descobrimos porque a maioria dos americanos não se preocupa em tirar passaporte. Eles são gordos demais para caber em uma poltrona de avião”.

E é verdade: uma proporção absurda de americanos são obesos e a maioria deles não possui passaporte.

Pesquisa recente indica que o hambúrguer talvez seja tão viciante quanto a cocaína e a heroína. Como a pesquisa foi conduzida por americanos, o jornal inglês Sunday Times aproveitou os resultados para sacanear os EUA em um editorial:

“Parece que agora os gordinhos têm uma desculpa. Quem visita os EUA, esperando encontrar os refinados corpos popularizados por Hollywood, mais provavelmente encontrará um monstruoso exército de gordos. Finalmente descobrimos porque a maioria dos americanos não se preocupa em tirar passaporte. Eles são gordos demais para caber em uma poltrona de avião”.

E é verdade: uma proporção absurda de americanos são obesos e a maioria deles não possui passaporte.

Sunday, June 29, 2003 at 12:26 PM

Dicas pra quem quer largar a maconha:
http://www.marijuana-addiction.com/

Dicas pra quem quer largar a maconha:
http://www.marijuana-addiction.com/