Por mais jaquetas e botas

Capa de Frank Quitely

Os super-heróis usam esses uniformes ridículos (IMHO) porque, nos anos 30, os criadores do Superman usaram a estética dos homens-fortes de circo para o visual do seu personagem. Na época era pop e fazia sentido. Hoje, quase 100 anos depois, não.

TNo início dos anos 00, meio que prevendo que os super-heróis sairiam do gueto nerd para explodir em cinemas do mundo todo, Grant Morrison – que na época escrevia New X-Men – tentou fazer o grupo abandonar os collants coloridos e usar um visual pós-punk com jaquetas e botas.

O mesmo visual que Bryan Singer usou nos primeiros filmes. Um visual que faz muito mais sentido para os dias de hoje, quando esses persnagens não estão mais apenas impressos numa revista em papel jornal 4 cores, mas em filmes, TV, quadrinhos em papel couché.

Somente a inércia dos criadores, a nostalgia dos fãs mais nerds e os superpoderes do trademark justificam os collants. Em 2019, estes uniformes não são práticos, não são pop, não são cool, não são interessantes. São sexistas, ridículos, problemáticos para a direção de arte.

E fazem filmes como Avengers – Endgame e séries como Flash e Supergirl parecerem festa a fantasia numa academia de musculação.

Camisa traz Wii em camadas

wiishirt

Via GamOvr

A Seco

“Eu não sou capaz de beber álcool. Meu corpo não sabe lidar com ele. Algumas pessoas podem lidar bem com apenas um drink ou uma só carreira de cocaína, mas eu vim a perceber que, pra mim, é tudo ou nada – e tem que ser nada”.

Naomi Campbell, sobre seu novo estilo de vida clean.

Óculos Censores

Cansado de voltar pra casa da festa com aquela cara de devorador de doces e todo mundo ficar te olhando na rua? Nada melhor do que assumir seu lado marginal com estes óculos tarja-preta que “censuram” seus olhos e deixa você com aquela cara de menor de idade em fotos de revistas dos anos 60. Ótimo pra usar na praia ou no trabalho na segunda-feira de manhã. Criação da Stupidiotic (ótimo nome), por 10 dólares.

Cansado de voltar pra casa da festa com aquela cara de devorador de doces e todo mundo ficar te olhando na rua? Nada melhor do que assumir seu lado marginal com estes óculos tarja-preta que “censuram” seus olhos e deixa você com aquela cara de menor de idade em fotos de revistas dos anos 60. Ótimo pra usar na praia ou no trabalho na segunda-feira de manhã. Criação da Stupidiotic (ótimo nome), por 10 dólares.

Game Over?

Adorei essa camiseta:

Ela é o resultado de um concurso e pode ser comprada aqui por 17 dólares.

Adorei essa camiseta:

Ela é o resultado de um concurso e pode ser comprada aqui por 17 dólares.

 

 

Mímica

Ótima camiseta pra quem vai viajar e não fala a língua local: é só apontar para as figuras:

Criada por estes caras.

Ótima camiseta pra quem vai viajar e não fala a língua local: é só apontar para as figuras:

Criada por estes caras.

 

 

Pret-a-porter

A Whirlpool vai lançar em setembro desse ano um treco chamado Pret-a-porter, que promete ser sensacional: é uma espécie de mala onde você coloca uma peça de roupa suja dentro e ela sai totalmente limpa de lá, sem a necessidade de ser lavada. A limpeza é feita com vários métodos a seco e high-tech. Òtimo para hotéis:

A Whirlpool vai lançar em setembro desse ano um treco chamado Pret-a-porter, que promete ser sensacional: é uma espécie de mala onde você coloca uma peça de roupa suja dentro e ela sai totalmente limpa de lá, sem a necessidade de ser lavada. A limpeza é feita com vários métodos a seco e high-tech. Òtimo para hotéis:

Made Me

A resposta perfeita para as várias “polêmicas” em torno da violência dos games, principalmente da série GTA:

Eu quero uma.

A resposta perfeita para as várias “polêmicas” em torno da violência dos games, principalmente da série GTA:

Eu quero uma.

Infinity Coolness

“Se vestir deve sempre ser algo divertido de se fazer. As pessoas na Inglaterra se vestem de forma tão, tão… tão vagabunda.”

Siouxsie Sioux, no Standard, se desespera com o senso fashion da juventude britânica atual.

“Se vestir deve sempre ser algo divertido de se fazer. As pessoas na Inglaterra se vestem de forma tão, tão… tão vagabunda.”

Siouxsie Sioux, no Standard, se desespera com o senso fashion da juventude britânica atual.